De volta à ativa

Olá!

Hoje decidi sair da ordem cronológica dos acontecimentos para contar como foi o meu retorno aos treinos.

Finalmente voltei a treinar depois de mais de 1 ano sem me exercitar (ops, cuidar da Didi é um exercício e tanto!). Passei todo esse tempo sem praticar atividade física porque me dediquei única e exclusivamente à maternidade. Foi minha opção. Porém, a necessidade de melhorar o meu condicionamento físico e o fato de que o Edu estava abrindo seu próprio studio, trouxeram-me a vontade de voltar à boa forma.

Segunda-feira, dia 15, o Edu inaugurou o studio de treinamento físico dele, no The Blue Officemall, aqui em Santos. No sábado, 13, tínhamos feito uma “pré-estreia” e testado todos os aparelhos e equipamentos. Foi quando eu treinei, enfim. A partir de então, ficou certo que eu treinaria três vezes por semana, pelo menos.

Ninguém me disse que esse retorno seria fácil, mas eu não imaginei que fosse ter tantas dificuldades. Cansaço, dores e falta de aptidão deixaram claro que meus limites estão baixos. Nessa fase preciso me readaptar, pois o meu corpo durante a gestação passou por muitas transformações, diminuindo os ganhos conquistados anteriormente, além do período inativa. Vale ressaltar que, mesmo durante a gravidez, pratiquei atividade física regularmente com acompanhamento.

Além disso, está claro que será necessária uma reeducação alimentar. Acredito que esse será o meu maior desafio, pois não tenho mais o tempo de antes para me dedicar ao preparo das refeições, sem contar o mal hábito alimentar adquirido nos últimos tempos. Durante a gestação eu me alimentei perfeitamente bem, mas depois do nascimento da Diana as coisas mudaram (e muito!). Sem um acompanhamento nutricional eu não atingirei meus objetivos nem me manterei saudável. Por isso continuo contando com a minha nutricionista Mariana Tornincasa Cabral, da Nutrindo o Corpo, com quem me consulto desde um problema psicológico relacionado a percepção do meu corpo. Aprendi muita coisa com ela e serei eternamente grata por ter ajudado a me livrar daquela imagem distorcida que tinha de mim.

Sedentarismo e má alimentação never more!

2 opiniões sobre “De volta à ativa

  • 6 de março de 2016 em 23:40
    Permalink

    Oooi,

    que texto demais!
    Eu sei o quão difícil manter um blog!

    Tenho postado sobre Mamãe Sarada no meu site Amigas & Mulheres

    Beijos!

    Resposta
    • 8 de março de 2016 em 15:33
      Permalink

      Oi, Cristina! Como vai você?
      Muito obrigada! É difícil, né? Mas quando a gente gosta do que faz, fica mais fácil lidar com as dificuldades. Rs.
      Vou entrar no seu site e ver suas postagens agora mesmo (aproveitar que a baby está dormindo hahaha)!
      Beijão!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *